A Lamborghini aposta no elétrico com o Concept Terzo Millennio – Cenas de Gajo

A Lamborghini aposta no elétrico com o Concept Terzo Millennio

Quando se pensa em Lamborghini, pensa-se em V12 ou V10, mas desta vez a marca não usou a prata da casa, e pediu ajuda ao MIT.

A colaboração resultou no “Lamborghini Terzo Millennio”, ou na língua de Camões, o Lamborghini do terceiro milénio.

Este concept car preserva as linhas emotivas e agressivas da marca, e aponta a uma clientela que, gostando de carros desportivos, começa a mostrar interesse nos elétricos.

l8

“Colaborar com o MIT é uma excelente oportunidade para que a Lamborghini possa fazer o que sempre fez bem: re-escrever as regras dos super-carros.” – é assim que Stefano Domenicali vê a pareceria. “Inspiramos-nos no que é possível hoje, para desta forma criar as realidades de amanhã. A Lamborghini tem sempre como objectivo criar os sonhos da geração seguinte”.

l7

Como de seria de esperar, a Lamborghini não segue os restantes construtores no que toca ao elétrico. Em vez das tradicionais baterias de lítio, os engenheiros do MIT foram encarregues de melhorar a densidade dos super-condensadores de forma suficiente a servirem de fonte de energia ao Terzo Millennio.

l6

Face às tradicionais baterias de lítio, as baterias de super-condensadores permitem uma carga e descarga rápidas, o que se adequa a um carro que arranca e para tão rapidamente como um Lamborghini. Também não se degradam com o tempo, como as baterias de lítio, que têm uma longevidade limitada.

l5

A “Besta” põe a potência na estrada através de 4 motores (um em cada roda), o que retira toda a necessidade de transmissão, o que permite uma maior liberdade de design, e de potencial aerodinâmico.

l4

A inovação não termina no motor e baterias. A carroçaria é feita de fibras de carbono auto-reparador que reparam micro-fissuras à medida que estas aparecem. Este tipo de carbono pode ser usado em partes de grande fadiga, que exigiam, de outra forma, metais mais pesados para garantir a fiabilidade.

l3

l2

l1

Para todos os amantes das 4 rodas, esta é a prova, que mesmo depois do petróleo acabar, ainda vão existir carros dignos de aparecer nos posters pendurados num qualquer quarto de adolescente.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *